quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Uma senhora gentil - que se recupere logo.

O Juca é um companheiro do PT da zona sul. Eu o vi, hoje, se emocionar ao falar de uma senhora mineira que está muito doente, e que não tem ninguém por ela. Ninguém mesmo. E está bem doente. Juca disse a ela que trabalha com um vereador de São Paulo que é médico. Ela queria que o Juca levasse o Neder lá, porque ela nunca tinha conhecido um médico... e mandou, doce e gentilmente, uma cachaça mineira ao nosso companheiro parlamentar - e médico.

Hoje, abrimos a cachaça que foi presente dessa senhora para comemorar que o ex-vereador confirmou sua vaga na Assembléia Legislativa do estado. Ao som dessa história e defronte às lágrimas que o Juca derrubava ao dizer que ela está no hospital agora.

Tô contando isso aqui porque é inimaginável que uma senhora de 82 anos nunca tenha ido ao médico. Mas, ainda bem, é imaginável a generosidade de um Juca. E a simplicidade gentil e humana dessa senhora. Sei lá, histórias que dá vontade de contar. Elas devem ser milhões.

Um comentário:

Dalmo disse...

Salve! É com velhas senhoras, Jucas, cachaças, Nederes e Alessandras que haveremos de construir nossa utopia socialista.
Dalmo.